Gabinete de Promoção do
Programa Quadro de I&DT

Shift2Rail

O Shift2Rail é uma Parceria Público-Privada (PPP) entre a Comissão Europeia e a Indústria ferroviária no âmbito do Horizonte 2020 e é gerida por uma entidade específica (JU – Joint Undertaking). O orçamento global é de 920 M€ (450 M€ do H2020 e 470 M€ dos membros da JU).

O Shift2Rail é a primeira iniciativa ferroviária europeia que procura soluções focadas em investigação e inovação (I&I) orientadas para o mercado, acelerando a integração de novas tecnologias em soluções inovadoras para o meio ferroviário. O Shift2Rail tem por objetivo promover a competitividade da indústria ferroviária europeia e contribuir para satisfazer as necessidades atuais da União Europeia (EU) em matéria de transportes. As atividades de I&I levadas a cabo no âmbito desta iniciativa do H2020 contribuirão para o desenvolvimento da tecnologia necessária para completar a Single European Railway Area (SERA), complementando o trabalho legislativo desenvolvido no âmbito do quarto pacote ferroviário.
O Shift2Rail tem metas ambiciosas e um enquadramento institucional robusto para as atingir. Especificamente, esta iniciativa visa criar as condições que permitam duplicar a capacidade do sistema ferroviário europeu e aumentar a sua fiabilidade e a qualidade de serviço em 50%, ao mesmo tempo que permitirá também reduzir os correspondentes custos do ciclo de vida em 50%.

 

Impacto
Esta iniciativa ajudará a aumentar a competitividade da indústria ferroviária europeia, criando oportunidades significativas de emprego e de exportação de tecnologias e equipamentos.
A liderança mundial da indústria ferroviária europeia está atualmente a ser desafiada por novos atores mundiais, nomeadamente players asiáticos que oferecem produtos atraentes com custos inferiores. A melhor resposta a este desafio é o aumento dos níveis de inovação da indústria ferroviária europeia de modo a melhorar a qualidade e fiabilidade do produto e reduzir os custos do ciclo de vida, em combinação com uma abordagem integrada do sistema ferroviário. O investimento público e privado do Shift2Rail terá também um efeito multiplicador no investimento industrial necessário para levar estes produtos inovadores até ao mercado, e nas oportunidades de expansão para a indústria europeia, tanto na Europa como no exterior. Esta iniciativa tem também o objetivo de superar algumas das atuais limitações do mercado ferroviário na UE, nomeadamente relativas à fragmentação da produção, à insuficiente colaboração no setor ferroviário, à existência de diferentes procedimentos operacionais entre países e aos níveis limitados de padronização.
As empresas ferroviárias, os gestores de infraestruturas e os operadores de transportes públicos irão também beneficiar de inovação que reduza drasticamente os custos de construção e operação da infraestrutura ferroviária. Isto deverá também contribuir para reduzir a necessidade dos subsídios pagos pelos governos nacionais europeus.

É expectável que os passageiros e os utilizadores dos serviços de transporte de mercadorias venham a beneficiar de uma forte melhoria na fiabilidade e qualidade dos serviços após a implementação das soluções inovadoras a desenvolver pelo Shift2Rail. A melhoria da competitividade e da atratividade dos serviços ferroviários, combinada com o aumento da capacidade, ajudará o sector ferroviário a aumentar a sua quota do mercado de transportes, contribuindo assim para a redução do congestionamento de tráfego rodoviário e das emissões de CO2. A saúde e o bem-estar dos cidadãos também sairão beneficiadas, graças à redução da poluição sonora causada pelo transporte ferroviário.

Investigação e Desenvolvimento no Shift2Rail
As atividades realizadas no âmbito do Shift2Rail estão estruturadas em torno de cinco Programas de Inovação (Innovation Programmes - IPs), abrangendo todos os diferentes subsistemas estruturais (técnicos) e funcionais (processos) do sistema ferroviário, nomeadamente:

Estes cinco IPs são mais do que um simples "pacote" de programas não relacionados, formando um enquadramento consolidado do sistema ferroviário, com um conjunto de temas transversais comuns. As atividades do Shift2Rail são geridas da forma mais eficaz possível, de modo a permitir uma cobertura completa de todas as áreas, assegurando simultaneamente um elevado grau de eficiência na gestão das atividades técnicas.



 

É dada grande importância às interações entre os vários IPs, uma vez que desenvolvimentos tecnológicos numa parte do sistema podem levar a mudanças no desempenho e criação de sinergias, ou de eventuais barreiras, noutras partes do sistema geridas por outros atores. Adicionalmente, as atividades transversais incluem também investigação, nos diferentes IPs, sobre as tendências económicas e sociais a longo prazo, tais como as necessidades dos clientes, de capital humano e de competências.
O crescimento sustentável do setor ferroviário requer uma abordagem dedicada e equilibrada que responda aos desafios específicos de I&I, promovendo a cooperação entre os stakeholders ao longo de toda a cadeia de valor do setor.
Responder a estes desafios exige diferentes tipos de atividades, incluindo:

Para além destes três tipos de atividades que são financiadas diretamente pelo Shift2Rail, os membros desta iniciativa têm também de realizar atividades adicionais com vista a alavancar o efeito das atividades de I&I financiadas pelo Shift2Rail - como por exemplo atividades de I&I que vão para além do âmbito e orçamento do Shift2Rail e que sejam relevantes para o desenvolvimento de tecnologia ferroviária com potencial de exploração futura. Estas atividades realizadas pelos membros da JU não são elegíveis para receber apoio financeiro do Shift2Rail, mas têm de contribuir diretamente para os objetivos gerais estabelecidos no Master Plan do Shift2Rail.

Anexo: Shift2Rail factsheet

MAPA GERAL DO SITE