Gabinete de Promoção do Programa Quadro de I&DT
FCT - Fundação para a Ciência e Tecnologia | Ministério da Educação e Ciência

O tema Apoio ao desenvolvimento coerente das politicas de investigação no 7ºPQ

Orçamento: 70 milhões (2007-2013)

A Europa deve melhorar a coerência das políticas de investigação a nível regional, nacional e europeu e aumentar o seu potencial na produção e uso do conhecimento de modo a tornar-se mais competitiva, criando soluções para alguns dos desafios que agora enfrenta.

Benefício para os cidadãos:

O investimento público na investigação tornar-se-á mais viável financeiramente através de melhor monitorização e coordenação das políticas de investigação por toda a Europa. Prevê-se que a melhoria das colaborações entre decisores e legisladores aos níveis nacional, regional e europeu leve à identificação de boas práticas e melhor desenvolvimento de políticas. Isto melhoraria as condições em que se conduz a investigação e melhoraria o potencial europeu no que toca à criação de empregos e ao crescimento. Proporcionaria também melhor avaliação do impacto da despesa pública na investigação no que toca ao apoio do investimento privado e à competitividade.

Benefício para os investigadores:

As acções visam, sobretudo, os decisores e legisladores, mas acabarão por melhorar as condições em que se conduz a investigação. Uma acção específica ajudará a desenvolver a estratégia europeia para os recursos humanos e mobilidade na investigação através de várias iniciativas regionais, nacionais e comunitárias que incluem programas de financiamento, legislação, recomendações e directrizes. O objectivo comum destas iniciativas é levar os investigadores a ficar na Europa e atrair os melhores cérebros de todo o mundo.

Serão apoiadas as seguintes actividades durante o FP7:
Benefício para a indústria e PMEs

Aumentar o investimento na investigação e desenvolvimento de modo a atingir 3% do PIB da EU até 2010, sendo que 2/3 devem advir de fontes privadas, e melhorar a sua eficácia, é uma das grandes prioridades da estratégia de Lisboa para o crescimento e emprego. Assim, é essencial para fortalecer o apoio público à investigação e o efeito catalisador que este tem sobre o investimento do sector privado. Para mais, a identificação das medidas mais adequadas para encorajar o investimento na investigação e desenvolvimento entre as PMEs, em particular as que tiverem alto potencial de crescimento, contribuirá para maior investimento na investigação.

MAPA GERAL DO SITE